quarta-feira, 6 de maio de 2009

Aviso # 2

Ok, este não aconteceu comigo (livrem-se de tentar, bandidos, parto-vos a boca toda!!!), foi-me enviado por mail, mas como já se sabe que as pessoas andam com mais vontade de enganar e de roubar que de trabalhar, não custa nada deixar o aviso.
Não é preciso entrarmos em pânico, apenas precisamos de um pouco de cuidado e bom senso.

Em relação ao "Put@ que os pariu", tenho divulgado junto de amigos e conhecidos.
Uma colega recebeu uma sms que dizia "Encontramo-nos mais logo na ponte?", uma ponte que ela até conhecia, mas não respondeu.
Um amigo recebeu uma sms que dizia apenas "Oi". Também não respondeu.

Ou seja, se a minha teoria estiver correcta, basta respondermos aquelas sms para darmos acesso ao nosso telemóvel.

As pessoas têm-se mostrado chocadas, e julgo que se não me conhecessem, até poderiam duvidar da história. Ontem, jantei com um padre e disse-lhe: "Tenho um tema para o teu sermão de Domingo", e contei-lhe a história. Ficou abismado.

Há muitos mails que recebemos para reenviar que acredito serem "lixo electrónico", mas outros até fazem sentido, daí, ponho-vos este aqui na Selva (Eu bem digo que ando na selva... grrr).

Kisses :)

"ALERTEM OS VOSSOS FILHOS E OS FILHOS DOS VOSSOS AMIGOS E DIVULGUEM
Novo método de sequestro por telefone

Dentro dos Centros Comerciais, há pessoas próximas das entradas dos cinemas, fazendo uma suposta pesquisa junto dos jovens (algo "interessante", como cinema, TV, um novo filme a ser lançado, etc. ... para atraí-los).


FICAM então com o nome, números de telefone fixo e telemóvel, endereço e algumas características como as roupas, cor do cabelo, etc. etc. etc. do seu filho(a).


Depois de os supostos entrevistados entrarem para a sala do cinema, esperam alguns minutos, ligam para a pessoa para ver se o telemóvel está desligado e, se estiver, ligam para casa daquela pessoa.
Dizem o nome completo do seu filho (o que já assusta), as suas características, cabelo, estatura, roupas (pânico) e diria ainda: "Ligue para o seu filho, se acha que estou mentindo... o nº dele é 9XXX - XXXX? Está desligado..." (pronto, se ele sabe até o nº do seu filho, só pode ser verdade...)

E como um filme dura em médias 2 horas, durante este período de tempo não é atendida a chamada, começa o desespero.

Então, começa o pedido, a exigência, o pânico, etc. Os casos conhecidos e registados pela policia, permitem concluir que as coisas são criteriosamente planeadas por estes "artistas do alheio" e muito rápidas o que leva a crer na existência de uma rede organizada.

O QUE DEVE SER FEITO: Instruam os vossos filhos(as), a não responderem a nenhuma entrevista ou pesquisa nas ruas, fornecendo informação pessoal como nome, telefone, endereço, etc....*

REPASSEM! NÃO CUSTA NADA PREVENIR!"

*Já agora, a não desligarem o tmv no cinema, basta tirar o som e deixar na vibração.

5 comentários:

  1. Muito bem a ideia do mail, Fadinha.

    agora o que me deixa intrigada é: O que fazias tu ontem a jantar com um padre??? Estava a tentar converter-te? :P

    Beijo

    ResponderEliminar
  2. Bem, que esquema marado, rebuscado e mesmo aterrador...

    Obrigado pela info..

    E em relação ao jantar com o Padre como diz a nOgS, eu cá não sei quem anda a tentar converter quem...?!!!... LOL

    ...Foi brincadeira Fadita..., mas a ideia de virares freira... ia ser cá um alvoroço no convento... nem consigo imaginar... tinhas mesmo que fazer voto de silêncio... :-)

    Beijos meus e os meus mmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm

    ResponderEliminar
  3. Eu por norma não reenvio mails tónis muito menos mails do género “envia para mil pessoas e receberás o euro milhões”…sms de desconhecidos nunca retorno, chamadas muito menos (nem a nível profissional) e acho que tenho feito bem. As tecnologias são boas mas também são boas para fins menos lícitos e cada vez mais os burlões andam por ai e temos mesmo de estar atentos….

    Bom dia Fadita

    Ps- nem vou comentar o jantar com o padre :)…..

    ResponderEliminar

Sopra no vento o que pensas, sentes ou sonhas... Que o vento trará até ao alto da minha árvore as tuas palavras...

Obrigada...