terça-feira, 11 de novembro de 2014

12,6 km...

... 36 minutos e 325 calorias depois... Na minha 2ª volta na bicla estática...

Estou cheia de calor.................... :P

E (ainda) não me dói o rabo!!! :D

sexta-feira, 7 de novembro de 2014

Dói-me o rabo...

... Porque, esta semana, comprei uma bicicleta estática, montei-a ontem e já pedalei uns 20 kms, nuns 40 minutos, no esforço menor... :P [Estou desabituada!!!]

Mas gastei 300 calorias, o que é bom, tendo em conta que, ontem, me fartei de comer "porcarias"*... ;)

Aqui está a foto da "bicla":


É simples, o mais baratinha possível, que isto é só para me exercitar sem sair de casa, no Inverno... Que está friiiiiiioooo...

E aproveitei a "pedalada" para rever parte do filme "O Júri". :)





Bom fim-de-semana!!! :D


*PS: "porcarias" = hambúrguer no pão, batatas fritas, molho maionese, refrigerante e amendoins fritos com mel...

terça-feira, 4 de novembro de 2014

Tarte de Amêndoa (ou Tarte de Santiago)

Receita experimentada a semana passada, para levar um docinho para o fim-de-semana:

Precisa-se de:
4 ovos
250 gramas de açúcar em pó
250 gramas de farinha de amêndoa
raspa de um limão

Como eu não tinha limão  nem laranja, usei um pouquinho de licor de amêndoa amarga.
Como não quis usar só açúcar em pó, usei antes açúcar amarelo e branco, e só usei o açúcar em pó para enfeitar.

Misturei os 4 ovos bem batidos com o açúcar e, depois, com a farinha de amêndoa.
Levei ao forno a 180ºC (acho eu que estava a 180ºC...) durante uns 40 minutos, em forma untada com manteiga.

Ficou fofinha e deliciosa. :)

Uma receita a repetir, sem dúvida!

segunda-feira, 27 de outubro de 2014

Tive um fim-de-semana...

... Tão Bom, mas tãããããão boooooom mesmo, que nem me apetecia regressar ao trabalho... :P

Quem diria?... ;)


[Edit:] Se quiserem saber porquê, vejam na caixa de comentários deste post... :)

quarta-feira, 22 de outubro de 2014

OGMs, Transgénicos, Híbridos e Afins

Porque este tema tem surgido nalgumas conversas, aqui vai:

Um OGM é um Organismo Geneticamente Modificado.
Isso significa que o seu código genético original foi alterado/manipulado, com vista a realçar ou inibir determinada característica.

Exemplo: 
"Graisin" - são passas de uva (raisins) cujo código foi manipulado para ficarem gigantescas (giant raisins).


Um Transgénico É um OGM, em que houve a introdução, no código genético original, de segmentos de genes de OUTRO organismo.

Exemplo: 
Milho Bt - introduziu-se os genes duma bactéria (Bacillus thurigiensis) no genoma do milho, com a intenção de tornar esse milho mais resistente ao ataque de lagartas, sensíveis a essa bactéria.


Um Híbrido é o cruzamento genético  de duas espécies distintas.  O cruzamento pode ser natural, ou artificial, se os seres não coexistirem no mesmo espaço geográfico/temporal que o permita. O híbrido pode ser fértil, ou não.

Exemplos: 
Mula/Mu (E. caballus x E. asinus)- é o cruzamento de uma égua ou cavalo (Equus caballus - 64 cromossomas) com um burro ou burra (Eqquus africanus asinus - 62 cromossomas). Por norma, são estéreis, devido ao seu número de cromossomas ser ímpar (63 cromossomas).

Laranja (Citrus x sinensis) - é o cruzamento da Cimboa ou pomelo (Citrus maxima) com a tangerina (Citrus reticulata). É fértil, embora os descendentes resultantes de sementes possam ter características diferentes da planta-mãe.


Já a Variedade ou Casta, do ponto de vista comum, é a denominação dada ao conjunto de diferenças de indivíduos da mesma  espécie.

Exemplo: 
Castas de videiras (Vitis vinifera) como a Touriga Nacional, Tinta Roriz, Alvarinho, Moscatel.


Do ponto de vista genético, Variedade é o conjunto de indivíduos que se distinguem de outros conjuntos de indivíduos da mesma espécie, em algumas características, apesar de não se distinguirem o suficiente para serem considerados uma espécie diferente, e que se podem cruzar livremente entre si. Passam a ter 3 nomes, podendo ser colocada a expressão "var." ou "spp." (subespécie) entre o 2º e o 3º nome.

Exemplos: 
Lobo - Canis lupus
Cão (subespécie de lobo) - Canis lupus familiaris

Couves - Brassica oleracea
Couve-galega - Brassica oleracea var. acephala
Couve-repolho - Brassica oleracea var. capitata
Couve-flor - Brassica oleracea var. botrytis

Se forem selecções de plantas cultivadas, recebe o nome de "cultivar" e o nome aparece entre aspas.

Exemplos:
Rosa "White Fairy"
Batata - Solanum tuberosum "Agria"
Tomate - Solanum lycopersicum "Coração de boi"



Conclusão:
Todos os Transgénicos são OGM mas nem todos os OGM são transgénicos.
Os Híbridos e as Variedades podem ser de origem natural, sem qualquer "ajuda humana", ou serem artificiais com a "ajuda humana", tanto em termos geográficos ou temporais, como pela selecção de variedades, que fazem prevalecer certas características de interesse humano.


Espero que tenham ficado esclarecidos com esta simplificação de um tema tão vasto... :)
Em caso de dúvida, têm o email e a caixa de comentários.

Beijinhos! :)


terça-feira, 21 de outubro de 2014

Tendinite

Tenho uma tendinite no braço direito...

E, hoje, apercebi-me que essa tendinite resulta de dormir enlaçada/enroscada no meu mais-que-tudo...

Nunca gostei tanto de ter uma tendinite!... :D


[Opah, sou "estupidamente" romântica; que querem? :P]

segunda-feira, 11 de agosto de 2014

11 Anos de Namoro com uma Gaja fixe :)

Passei por aqui só para anunciar umas coisinhas:

Hoje, eu e a Coccinellita fazemos 11 anos que nos conhecemos. :) Uma Amizade que nasceu suavemente, é simples, bela como cristal,  e forte como aço.

Vamos festejar como gostamos: vamos jantar juntas, só nós duas, e ficamos na converseta até nos actualizarmos. :D

A vida profissional "separou-nos", e não a vejo com a frequência que gostaria, e como os nossos horários de trabalho são um bocadinho desfasados, além de andarmos mais "ocupadas" na nossa vidinha emocional, já não temos tido as nossas maratonas telefónicas do costume, mas...

Ela está sempre no meu coração... :)

Parabéns a nós, miúda! :)

segunda-feira, 12 de maio de 2014

A idolatração da mediocridade


De há uns anos para cá, temos sido confrontados com cenas que, para pessoas inteligentes que (alguns de nós) somos, raiam o absurdo, o estranho e, acima de tudo, o medíocre.

Levamos (quem assiste, não é o meu caso) com programas de "entretenimento" que se designam por programas culturais mas que de culturais e cultura não têm nada, onde ganha(m) quem se porta pior, quem é mais burro, quem faz escândalo e peixeiradas.

Vemos revistas a venderem (desesperadamente, creio eu, para não irem ao charco pela falta de leitores sérios e a sério) capas de fofocas e mexericos e tretas da vida pessoal de figuras, mais ou menos públicas, mais ou menos púdicas.

Estupidificam-se as pessoas para que fiquem sossegadas... 

Acalma-se o rebanho, para que não se revoltem contra o pastor desatento, e se deixem comer pelos lobos que vigiam as vítimas...

"Pão e circo", já se dava na Antiga Roma, para entreter as pessoas e não haver reclamações acerca da Política, da Vida, de tudo.


Não deixa de ser caricato, mas mais do que caricato, não deixa de ser muito triste que alguns vídeos do youtube se tornem virais por serem tão maus (caso recente do estranho vídeo "Vai Anna, Go Anna", publicado há cerca de 3 meses por uma tal de Anna Santiago que ninguém conhece, que nos últimos dois dias atingiu as 340 000 visualizações, e que é um caso gritante de mau gosto e, até, de incentivo ao p*tedo) e que trabalhos excelentes de artistas portugueses (e estrangeiros) estejam por apreciar e partilhar dignamente... 

Como reflexo da apreciação pelo mórbido e da idolatração da mediocridade, estes números reflectem ainda a falta de cultura em que vivemos...

O "engraçado" nisto tudo, é que o que se vê na TV (seja em reality shows, sejam em novelas) passa a ser "permitido", pois já alguém o fez impunemente. Tratam-se mal as pessoas, é-se malcriado, brejeiro, absurdo, ladrão, ..., e aparece-se nas TVs e nas revistas a ganhar dinheiro... É assustador...

Começamos a ter gerações que desrespeitam o trabalho honesto, a educação, o civismo, as diferenças, e acima de tudo, a ter gerações sem nenhuma base de valores morais e com uma cultura tão básica que até dói, em troca do facilitismo e dos "15 minutos de fama" a que muitos aspiram...

Hoje, só para contrariar a tendência "youtubiana" de visualizações extraordinárias em coisas que não prestam, deixo-vos com dois vídeos de músicas que aprecio e que ainda não atingiram as 100 000 visualizações... 








Espero que gostem! :)

quinta-feira, 17 de abril de 2014

Lucky girl I am!...


Um dia destes, sonhei que estava a deliciar-me com umas cornucópias.
Acordei aguada, e a pensar há quanto tempo não como, nem sequer encontro, estes bolos da minha infância, as cornucópias...

Partilhei o meu sonho com o meu queriducho e...

Bem, cá em casa, e no que toca à comida, se um diz "mata", o outro diz "esfola"...

Resultado, comprámos umas forminhas próprias, fizemos as cornucópias, com caramelo e creme pasteleiro e chantilly e...

Mmmmmmmmm :)

sábado, 15 de fevereiro de 2014

Gael é uma menina...

... com 7 anos.

Hoje, quando acordei, não me lembrei imediatamente.
Ou a minha memória anda fraca, ou... Ando tão ocupada como meu Mundo que me esqueço do Mundo das Fadas...

[Costumava ser ao contrário... No Mundo das Fadas, esquecia-me deste Mundo... Mas o meu Mundo está diferente, agora, e não vagueio tanto pelo das Fadas, creio...]

Dei comigo a pensar como o Tempo passa, e em como ela estará linda.
Uma fadinha encantadora...

E, hoje, pensei:

"Talvez quando não me lembrar de ti, te reencontre."

[Mas será que algum dia te esquecerei?...]

Hoje, digo-te, nesta mensagem que te será entregue pelas Estrelas:

Muitos parabéns, pequenina!
Desejo que cresças em Sabedoria e muito, muito Amor...

Beijinhos... **


sábado, 1 de fevereiro de 2014

E tudo isto, numa só manhã!...

Conversa surreal ao telefone com a secretaria da escola do M, um dia destes...

Eu: Bom dia, era para saber se já têm lançado o calendário de exames do curso de "..."
Resposta: ah, a minha colega está a tratar disso, deve sair lá pra 6ª feira...
Eu: Pois, mas os exames, em calendário, começam na 2ª...e uma pessoa tem que saber as coisas com mais antecedência para poder estudar e escolher os dias de exames...
Resposta: Ah, pois, tem toda a razão... ligue-me amanhã, que depois eu vejo com a minha colega se já tem alguma coisa adiantada...

[Valeu a simpatia das senhoras, a culpa não ser delas e terem-me dado a informação no dia seguinte... Mas não deixa de ser absurdo que a calendarização de exames daquela escola saia no dia útil anterior ao começo dos mesmos... E ser preciso alguém de fora alertar para o facto... Valha-me Deus!...]


Passado uns 10 minutos...Dá-se uma troca de emails com a entidade que me deu formação aqui há uns tempos, que me tinha pedido o NIB e a quem enviei uma cópia do mesmo:
Meu email:
Bom dia, Dra J.
Aqui está, conforme pedido. Creio estar legível.
Obrigada e cumprimentos,
Fada da Selva

Resposta: Obrigada, sim, está elegível.

[E  é esta senhora técnica de formação... Sem saber que "legível" e "elegível" não é bem a mesma coisa... :P]


Entretanto, partilhei isto com uma amiga que está em África e ela partilhou uma vivência comigo, que se deu com um senhor, e que vai ocorrendo com alguma frequência:

 "Sr. Manuel, o Sr. Afonso telefonou-lhe a dizer que eu vinha a caminho?"; 
Resposta dele: "Ainda, drª"


[Chegámos à conclusão que "ainda" é a resposta resumida para "Ainda não"... Há que poupar na Língua, e qualquer dia, temos um Novo (des)Acordo Ortográfico... :P]

sexta-feira, 24 de janeiro de 2014

Carta

24 de Janeiro de 2014


Querida tia Zi:

Sinto a tua falta...
Ultimamente, lembrei-me tanto de ti, duma forma inexplicável, e de diferentes formas...
Lembrei-me no Natal, por causa do Natal em que tiveste de ir para o Hospital, para ser operada de urgência.
Lembrei-me ao ver as fotos de família, naqueles Natais em que éramos tantos, todos nós, e tios e primos e avó, e brincávamos e era sempre um Natal cheio de gente e deliciosa confusão...
Lembrei-me quando fui ver a Nº 7, que "ficou" com o teu carro, que tu tanto estimavas...
(Não a viste nascer, mas ficou um bocadinho de ti com ela...)

E lembrei-me mais recentemente, quando uma amiga teve de ir a Coimbra, chamada pela Liga Portuguesa Contra o Cancro.
A tua cidade, onde viveste os últimos anos, onde sofreste todo o teu drama, onde viveste a tua guerra.

E hoje, hoje que farias anos (77! Bonito número!), ela foi para Coimbra de novo, e sei que ela está assustada, pela indefinição das coisas, pelos exames que tem para fazer, pelo resultado desses mesmos exames... Pelo caminho que tem pela frente e que ainda nem sabe como vai trilhar... Pela guerra que tem pela frente e ainda não sabe que armas vai ter de usar...

E lembrei-me de ti o dia todo, lembrei-me dela o dia todo, e peço-te, Tia, onde quer que estejas, peço-te uma prenda, a ti que fazes anos...
Vela por ela, reza por ela, empresta-lhe um pouquinho da tua força...
Sim?

Obrigada, Tia...

Até qualquer dia, num qualquer lugar...

Beijinhos, com saudade...